sexta-feira, 10 de junho de 2011

Como proceder ao apocalipse zumbi


Olá queridos leitores sociopatas, com tendências assassinas e adoradores de Satã! O Post de hoje foi escrito especialmente para vocês.

Este é um tema clássico em filmes, seriados e jogos eletrônicos, mas agora, vocês terão o prazer de ler a minha idéia de um cenário apocalíptico descente. E como sobreviver a ele.

Algum tempo atrás eu fiquei animado com a possibilidade de uma infecção zumbi finalmente assolar o nosso querido planeta, depois do tsunami na cidade de Sendai, e dos tremores que destruíram as usinas nucleares de Fukushima, a única notícia boa que poderia acontecer era que finalmente os mortos andavam.

Mas infelizmente, foi apenas mais uma tragédia para a conta da humanidade. Nada de comedores de cérebro andando por ai. AINDA!

(exemplo de comedores de cérebros)

Mesmo sem nossos amigos gemedores soltos pelas ruas, vou expor a minha visão de como DEVERIA ser uma infecção zumbi de respeito.

Esse tipo de Apocalipse deve se iniciar com alguma catástrofe, como o Tsunami anteriormente citado, ou por algum vírus geneticamente modificado que acidentalmente se espalhou pelo mundo, vindo de algum laboratório ultra-secreto, ou, em ultima hipótese, algum amiguinho do Bin Laden lançar uma arma química que cause esse aguardado efeito.

Em qualquer uma das alternativas, eu lhes pergunto: Assim que você tivesse a informação de que finalmente a zumbizada está solta por ai, quais seriam as suas primeiras providencias? Como reagiria?

Caso você tenha demorado mais do que 1 minuto para pensar nessa resposta, me esqueça! Você não fará parte do grupo que resistência que eu já terei criado e provavelmente será papinha de zumbi num piscar de olhos.

E SIM, eu vou ter o prazer de te matar.

(Simulação)

Como eu sou um filósofo altruísta e de bom coração, vou lhes ensinar a minha tática para esse tão esperado evento. Claro que não vou expor todos os detalhes.

Inicialmente tente identificar a causa, se é um vírus pelo ar, se é por toque, ou transmitida pelo sangue, tome as devidas precauções para evitar a sua contaminação e a dos que estão ao seu redor.

Pegue seu carro! Ops, Desculpe minha falha. Esqueci que a maior parte dos leitores não tem condições de ter um carro. Reformulando. Roube um carro, não um carro qualquer, um carro grande.

Coloque as pessoas importantes para você dentro dele, e isso não inclui a mãe, o pai e o cachorro, me refiro às pessoas mais fortes e com “sangue nos zóio” que você conseguir encontrar no caminho, além de mulheres gostosas, muitas delas, e se der sorte, um cientista genético renomado.

Dirija-se a um supermercado ou loja de conveniência mais próxima.

Abasteça o carro com suprimentos, comida, água, sucos, cigarros, muitas bebidas alcoólicas, carvão para churrasco, carnes, laticínios de alta qualidade, papel higiênico (de extrema importância) e produtos químicos que podem se tornar armas incendiárias, algo que ensinarei a vocês numa próxima oportunidade.

Depois dos suprimentos básicos, você se dirige ao posto de combustível mais próximo, encha o tanque do carro e pelo menos mais 2 ou 3 galões no porta-malas, não se preocupe com dinheiro, no apocalipse as leis não mais existem, e o galão de gasolina terá uma queda significativa nos preços.

Próximo passo: Encontre uma loja de armas. Elas costumam se localizar no centro das cidades, ou em Shoppings Centers.

Entre pela porta principal do Shopping, de carro é óbvio, pois os filmes nos ensinaram assim e localize a tão procurada loja, e pegue o máximo possível de armas e munições, coloque-as no carro e siga viajem. Não se esqueça de usar o banheiro antes de pegar a estrada!

(lista de itens a se pegar na loja de armas)

Caso esteja em uma capital, longe do oceano, pegue a rodovia mais rápida e vá em direção ao mar, no caminho consiga um mapa, pois os aparelhos GPS, operadoras de celular, serviço de internet e todo o resto irá parar de funcionar muito em breve.

Por sinal, o maior número de suicídios, nas primeiras horas, serão de usuários de Twitter e Facebook. Abstinência mata.

Encontre no litoral uma ilha qualquer, relativamente próxima a praia e que seja inabitada, encontre um barco. Caso você não encontre um barco no litoral, favor se mate.

Coloque tudo do carro no barco, e vá em direção a ilha, onde será seu próximo lar!

(ótimo exemplo de ilha que deve ser usada)

Monte a sua comunidade de sobreviventes, cerque a ilha tornado-a segura, organize ataques aos zumbis da orla da praia, campanhas para conseguir mais alimentos e matar o máximo de zumbis possíveis.

Utilize as bebidas alcoólicas e o papel higiênico com inteligência! Copule sempre que possível com as mulheres gostosas e seja um feliz sobrevivente ao apocalipse zumbi!

Espero ter ajudado, mas ainda sim espero que todos vocês tenham uma morte lenta e dolorosa.

Ps: Esse tema foi sugerido pelo filósofo Platão, logo, tive que improvisar. Espero que tenham apreciado!

11 comentários:

Jáááárdel disse...

quando escrever porcarias inuteis assim, favor fazer textos menores!

Muito gayzinho essa de fugir pra uma ilha!

Montaria uma resistencia na zona com um facão e um trabuco!

Filósofo Platão disse...

Hahahahahaha!

Puta que pariu, adoro os leitores que tenho nessa porcaria de blog!

Anônimo disse...

AUSHAUHSAH sim eu gostei do post! e ri com ele.. parabéns pelo blog!

Filósofo Pitágoras disse...

Hahaha, Jardel, agora tenho certeza, você não estara na resistencia que eu vou organizar quando o apocalipse zumbi chegar, E ELE VAI CHEGAR!!!

hahahaha...

Dexter disse...

Mas quanta merda!
E eu perdi meu tempo indo até a última linha.
Tomanucu!

Jáááárdel disse...

com certeza não mesmo! como já havia dito, muito gayzinho essa de fugir pra ilha... zumbi comigo é na porrada!

Tio Gard disse...

Espera... se tu disse pra encontrar uma ilha DESABITADA por que tem que se proteger contra zumbis na praia?

Mas o porra, zumbis vão chegar na ilha como?

Essa da ilha é pros covardes, como eu sou um macho viril e reprodutor passarei o resto dos meus dias cortando cabeças de presuntos ambulantes e transando com várias gatas (humanas, obviamente... ou não)

Táxi Pluvioso disse...

Ah! voltaram! vêm aí os zumbis multi-resistentes, não há salvação. É roubar a mulher de algum presidente da república, de preferência a Carla Bruni, e fugir para as montanhas. bfds

R.Rocker disse...

Pra que tudo isso?
Com uma faquinha de cortar rocambole conseguimos vários resultados na matança de zumbis Ò_Ó

Anônimo disse...

Aw, this was a really nice post. In idea I would like to put in writing like this additionally - taking time and actual effort to make a very good article… but what can I say… I procrastinate alot and by no means seem to get something done.

Janaina Cruz disse...

Gente, acho que encontrei uma hospedeira infectada com o tal vírus mutante é minha ex sogra...

Uma verdadeira comedora de cérebros, tentou devorar o meu por vários anos, mas consegui desenvolver um capacete especial: O kills mother of boring husbands (nem sei se é assim que se escreve...) rs

Amei, o blog, amei... Voltarei sempre no pedaço, sigo-o!